Seminarista Bruno Costa

12 de outubro de 2018. Celebramos, hoje, com imensa alegria, no Oratório dedicado a Nossa Senhora da Conceição Aparecida (Baixo Salto) a festa da Mãe Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil. A missa festiva foi presidida pelo nosso Pároco, Pe. Roberto J. Gottardo, SJ que, logo no início, recordou à grande assembleia reunida, o motivo de estarmos reunidos: agradecer, bendizer e louvar a Deus pela graça de celebrar a festa da Senhora Aparecida. À luz da belíssima canção do jubileu dos 300 anos da Aparição (entrada), lembrou-nos que a solicitude de Maria “nos mostra que a fé é a maior força se unida ao amor”. Por isso, somos invencíveis!

Fazendo eco às palavras que o Papa Francisco escreveu na mensagem que enviou ao Reitor do Santuário Nacional de Aparecida, por ocasião da celebração dos 300 anos de história de Aparecida, Pe. Gottardo, afirmou que a esperança é a virtude que deve animar o coração dos que creem, especialmente, quando ao nosso redor as situações trevosas parecem querer nos desanimar e desviar do caminho do evangelho. Não obstante, estarmos vivendo, no Brasil, imersos num ambiente sócio-político de muita animosidade, mentiras e fanatismo, não podemos perder o equilíbrio. Infelizmente, a briga pelo poder faz emergir o que há de pior em nós. “Orai e vigia”. Por isso, não nos deixemos vencer pelo desânimo nem pela ignorância nem pelo mundanismo.

Importa, sim, acolhermos a Mãe Aparecida em nossas vidas como Aquela que em tudo soube fazer a vontade de Deus. Evocando o texto do Pontífice, o presidente da celebração, lembrou ainda da importância da mãe em nossas vidas: “A mãe guarda a fé, protege as relações, salva das intempéries e preserva do mal”. Assim “quando nos falta o vinho da esperança, quando escasseia a alegria, quando se esgotam as forças, quando se obscurece a estrela da vida, a Mãe intervém” (alusão ao evangelho do dia, Jo 2,1-11). Por isso, devemos obedecê-la: “Fazei tudo o que Ele vos disser” (cf. Jo 2,5). Todo milagre acontece quando acatamos na fé a Palavra de Deus. Com essas palavras motivou mais ainda o povo de Deus a viver na concórdia e a confiar na poderosa intercessão de Maria.

Por fim, encerrou a bela celebração solicitando que lideranças da comunidade levantassem a imagem de Nossa Senhora Aparecida que, circundada pelas crianças que, hoje, comemoram seu dia, todos rezassem a conhecida Oração de Consagração à Mãe Aparecida, confiando a Ela a vida os sonhos, as alegria e as dores de cada dia. Em seguida, com emoção e alegria, foi dada a bênção ao povo de Deus reunido para celebrar a festa da Mãe. Uma maravilha!

O coordenador do CPC, Nilton Rover, em nome de toda a comunidade, agradeceu a presença e a participação de todos no evento. Feliz, reconheceu, que a cada ano que passa o número de fiéis aumenta. Alvíssaras! O Movimento de Irmãos (Shalon) animou a celebração com singular performance. Parabéns! Sem dúvidas, uma celebração especial e inesquecível. Uma festa digna para a Mãe de Deus e nossa. Evviva la Madonna!

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, rogai por nós.

Comente