O nosso amigo Sálvio Osmar Tonini ficou encantado com a performance dos passarinhos quero-queros. Segundo os antigos é da experiência do “encantamento” que desabrocha a filosofia. A Mãe natureza o surpreende porque encontra nela vestígios do Criador. Feliz de quem é sensível para captar-lhe o inefável e mais feliz ainda é quem consegue encontrar Deus em todas as coisas! Aprendamos! “Cada dia a natureza produz o suficiente para nossa carência. Se cada um tomasse o que lhe fosse necessário, não havia pobreza no mundo e ninguém morreria de fome” (Gandhi).

Comente