Por Rosimara Bernhardt

No dia 1º de maio, Dia do Trabalhador e dia que a Igreja celebra a festa de São José Operário, padroeiro dos Trabalhadores, aconteceu o Encontro Arquidiocesano dos Ministros Extraordinários da Eucaristia no Santuário Santa Paulina – Nova Trento. Iniciou-se às 8h, com a oração animada pela Forania de Itajaí.

Em seguida, Pe. Vânio discorreu sobre o Ano Nacional do Laicato, falando sobre o chamado que os ministros receberam de Deus para servir as comunidades, ajudando nas inúmeras atividades confiadas a eles. Fez uma reflexão especial sobre as sugestivas imagens evangélicas: “Sal da Terra e Luz do Mundo”.  Quando Jesus nos diz: “Vós sois sal e a luz do mundo”, não se trata de um elogio, mas sim de uma grande responsabilidade.

Lembrou-nos, o pregador, que o sal nunca trabalha para si, mas para realçar o sabor dos alimentos; faz a diferença, mas nunca aparece. Ser cristão é isso, ou seja, servir a Igreja e estar no mundo com humildade, sem chamar a atenção sobre si, é-se notado quando está ausente. Falou-nos também que o sal é um sinal contra a corrupção. Infelizmente, o mundo está cheio de mentira, de fraude, de interesses, etc. Não podemos nos acomodar nem deixarmo-nos corromper pelo dinheiro e pelo lucro fácil, isso não combina com o Evangelho.

O Momento formativo foi concluído com a adoração ao Santíssimo Sacramento conduzido pelo Coordenador Arquidiocesano dos Ministros Pe. Diego Delfino. Por fim, foi a celebração da Eucaristia presidida por Dom Wilson. Na sua reflexão, falou-nos da importância de ser Ministro da Eucaristia. Lembrou-nos que Santa Paulina recorria sempre a São José quando passava por dificuldades, dizendo: “São José, pensai vós por nós”. Aconselhou-nos, a exemplo de Santa Paulina, recorrermos a ele. Que tenhamos São José como exemplo para as nossas vidas.

Dom Wilson lembrou ainda aos Ministros sobre a responsabilidade que foi confiada a eles: ser guardiães da Pastoral Vocacional, atendendo ao apelo do projeto da Igreja: Cada comunidade uma nova vocação. Jesus nos diz para pedirmos ao Senhor da messe que envie operários. Portanto, façamos a nossa parte, oremos para que surjam mais vocações.

 

Comente